<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=238571769679765&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Falar com um consultor

    Categorias

    Quando muitas pessoas estão trabalhando no mesmo projeto de desenvolvimento, pode ser difícil acompanhar, monitorar e controlar as tarefas. Cada integrante da equipe contribui com uma parte, adicionando e alterando códigos. No entanto, uma solução eficiente vem sendo adotada para resolver esse problema, o GitHub. Já ouviu falar dele?

    Conheça agora o que é GitHub e como ele pode ajudar a melhorar os processos de desenvolvimento e controle de aplicações!

    O que é Git?

    Para entender o GitHub, antes você deve compreender o que é e como funciona o Git. Ele é um sistema de controle para versões de softwares que possui código aberto. Sempre que um projeto novo é iniciado, os desenvolvedores criam uma estrutura de códigos (script) e fazem alterações constantes, liberando novas versões até sua conclusão.

    O Git mantém essas alterações salvas e armazenadas em um repositório central. Isso permite que os desenvolvedores colaborem com o projeto mais facilmente, pois podem trabalhar nas versões antigas e atuais de acordo com a necessidade.

    O que é o GitHub?

    Enquanto que o Git é uma ferramenta de linha de comando, o centro em torno do qual giram todas as coisas envolvendo o Git é o hub. Assim, temos o GitHub que serve como um ambiente onde os desenvolvedores armazenam seus projetos e concentram suas tarefas.

    Pense no GitHub mais como a cloud (nuvem) dos códigos, pois ele representa um serviço de hospedagem de repositório online. Ou seja, é uma rede planejada para projetos que utilizem o Git como controlador de versão.

    Banner E-book Red Hat OpenShift

    Quais são as funcionalidades do GitHub

    Usar o GitHub traz muitas possibilidades para os desenvolvedores. Conheça as principais funções do sistema:

    Ferramentas de gerenciamento

    O GitHub pode se integrar a plataformas comuns, como AWS (Amazon Web Service) e Google Cloud, e permite rastrear, monitorar e controlar tarefas, andamento do projeto, comentários dos desenvolvedores e destacar a sintaxe dos códigos em mais de 200 linguagens de programação diferentes.

    A ramificação também é uma vantagem, pois ajuda a gerenciar melhor o fluxo de trabalho. Toda alteração feita em uma “árvore” do código não afeta a ramificação principal (estrutura principal do código-fonte), permitindo a criação de ramificações ilimitadas, porém de forma controlada.

    Hospedagem de projetos

    O GitHub permite hospedar projetos em código-fonte em uma variedade de linguagens de programação diferentes e acompanhar todas as alterações realizadas em cada interação. O espaço, chamado de repositório, concentra todos os arquivos de um projeto em desenvolvimento. Cada projeto tem seu próprio repositório e você pode acessá-los por meio de um link exclusivo no navegador web.

    Controle de versões

    Assim como no uso do Microsoft Word ou do Google Docs, você pode ter um histórico de todas as versões que o seu projeto teve até chegar à última. Isso permite que você não perca dados e informações importantes usadas no passado e pode aproveitar versões anteriores para reutilização dos códigos.

    E tem mais, o GitHub rastreia as alterações em um changelog (registro de alterações), para que você possa saber exatamente o que foi modificado em cada versão e quando.

    Colaboração remota

    Se você conta com uma equipe de desenvolvedores colaborando de forma remota com o projeto, fica difícil acompanhar as tarefas finalizadas e em andamento, como quem alterou o que, quando e onde esses arquivos estão armazenados. O GitHub cuida desse problema mantendo o controle de todas as mudanças que foram enviadas ao repositório, estimulando um formato de trabalhos à distância.

    Devido à praticidade, o GitHub é uma das ferramentas mais utilizadas por desenvolvedores. Isso faz com que ela esteja presente na maioria das empresas, principalmente as com portfólio em processos seletivos. Como o serviço é público e exibe os projetos livremente, permite a verificação das experiências e contribuições dos candidatos na área.

    Não conhecia o GitHub? Compartilhe essa informação com seus amigos nas redes sociais agora mesmo e torne-se uma referência entre eles!