Falar com um consultor

    Categorias

    A tecnologia open source é uma das mais vantajosas do mundo atual. Os sistemas também chamados de código aberto, são programas gratuitos e livres construídos e aprimorados por uma comunidade fiel e podem apresentar inúmeros benefícios para as empresas que optarem por adotá-los.

    Sabemos que para se manterem competitivas em seu nicho de atuação, é preciso que as organizações incorporem em seu dia a dia novas ferramentas e tecnologias que ajudem a obter sucesso no mercado. Entre as muitas vantagens para aqueles que adotam sistemas open source podemos citar a redução de custos, segurança e personalização.

    Neste artigo, apresentaremos esses e outros benefícios do open source para empresas. Você também entenderá o passo a passo para a implementação dessa solução e dicas sobre como escolher o melhor fornecedor. Está preparado? Então, acompanhe!

    Entenda quais são benefícios obtidos pela implementação do open source

    São muitos os benefícios proporcionados pelo código aberto. Diferentemente do que ocorre com softwares proprietários, no open source você pode contar rapidamente com boas referências por meio das comunidades fechadas. Lá é possível encontrar pessoas que passaram por experiências semelhantes às suas e que trabalham em conjunto para resolver problemas e encontrar a melhor solução para os questionamentos dos participantes o mais rápido possível.

    Nos programas proprietários, muitas vezes, o serviço de suporte centralizado não consegue atender às demandas de maior complexidade em tempo razoável, podendo levar dias até que uma solução ao seu problema seja apresentada.

    A adaptabilidade em se alterar o código fonte e o potencial de personalização dos sistemas para a atender aos seus objetivos pessoais é um grande benefício disponível para as aplicações open source. O fato de ser “grátis” também deve ser considerado, pois permite que os investimentos financeiros sejam concentrados apenas em infraestrutura e não em licenciamentos de programas.

    Saiba quais são as características de um bom software

    Além do acesso gratuito a programas de primeira linha que auxiliam nas mais diferentes tarefas, outra característica marcante no open source é poder contar com o apoio de uma comunidade vibrante que procura sempre desenvolver novas escalas e implementações.

    Dessa forma, não existe dependência de apenas um serviço de suporte. Por meio dos mantenedores das comunidades de open source, é possível identificar as opções mais alinhadas com o seu perfil, podendo encontrar ajuda de pessoas que já desenvolveram as soluções de personalização que você procura.

    As características presentes nos melhores softwares vão muito além do seu custo. Mesmo que o preço seja um item importante em projetos de tecnologia, no caso do open source o seu principal destaque é mesmo a adaptabilidade. Nada menos que 100% do que é desejado pode ser implementado, gerando exatamente os resultados que você espera. Muito diferente da experiência de contração de um software licenciado, no qual as limitações já estão impostas.

    Descubra o motivo das informações estarem em segurança em um programa open source

    A preocupação com a segurança nos sistemas open source é essencial. Da mesma maneira como ocorre com os programas proprietários, os sistemas abertos também precisam passar por atualizações constantes. Assim, podem se manter seguros contra eventuais vulnerabilidades em servidores, falhas de programação e protegidos contra a ação de programas maliciosos, como as chamadas infecções digitais e ciberataques.

    Trata-se de uma decisão de cuidado contínuo com a tecnologia que você adota. Seja em programas proprietários ou open source, o cuidado deve ser o mesmo, pois nenhum programa tem garantia em si mesmo sem contar com o auxílio das suas atualizações.

    Ao escolher um software open source fique atento às informações sobre a implementação das últimas atualizações disponíveis. Programas desatualizados desde 2014 não são boas indicações. Agindo assim, você garante um alto nível de proteção e poderá executar suas tarefas de maneira mais tranquila.

    Vamos observar o exemplo de softwares proprietários que há muito já foram descontinuados, ou seja, deixaram de receber o suporte das atualizações do seu desenvolvedor e, por isso, se encontram vulneráveis. O antigo sistema operacional Windows 7 é um deles.

    O programa em si continua funcionando normalmente nos computadores onde está instalado. Contudo, todas as informações — sejam elas de caráter pessoal, profissional ou sigilosas de um indivíduo, família ou organização — estão em grave risco de segurança nessa plataforma.

    Veja por que o software open source é a melhor alternativa para a sua empresa

    Do ponto de vista restrito à tecnologia não existem limitações para adesão de empresas de qualquer área aos sistemas open source. Contudo, se considerar a questão do gerenciamento do compliance, algumas empresas podem ter restrições, pois para permanecer em conformidade com essa área elas precisam apresentar obrigatoriamente um contrato de suporte com as companhias proprietárias.

    Talvez apenas por esse quesito ainda não podemos afirmar que o open source é para qualquer tipo de companhia. O mercado atual está muito aquecido com as soluções disponibilizadas para as empresas, que veem no open source vantagens interessantes de reduzir os custos de licenciamento para estação de trabalho, por exemplo, adotando desktops que utilizam Linux em vez de Microsoft. Todas as necessidades básicas comuns à rotina de trabalho são resolvidas facilmente com o uso desse sistema, como na navegação na internet.

    Servidores, desktops, programas de edição de texto, apresentações e planilhas, enfim, o crescimento da demanda e das soluções open source são uma tendência muito clara para os próximos anos.

    Para as empresas que têm o interesse de migrar e trabalhar com um software de tecnologia open source, não é preciso contar com um programador dedicado, pois grande parte dos pacotes já se encontram prontos para o uso. A manipulação do código não é requisito para que o sistema funcione e você consiga operá-lo.

    O Libre Office, por exemplo, é um programa open source muito conhecido e mantido pela sua própria comunidade de entusiastas, funcionando como a versão gratuita mais próxima do Microsoft Office, não necessita de um programador técnico para ser instalado em alguma máquina.

    A maioria dos softwares open source já estão prontos para serem baixados e usados. Programadores de nível avançado são necessários apenas quando existe a opção por personalizar e editar o software, conforme os requisitos da empresa adequando-o ao seu modelo de negócio.

    Fique por dentro dos passos da implementação do software

    O passo a passo da implementação de um open source é bastante simples. Primeiramente é feito o download do código fonte do programa disponível na internet. Em seguida, é feito o processo de compilação, que nada mais é que a preparação do sistema operacional para a implementação do fato.

    Todavia, é possível realizar adaptações das características do software antes mesmo da compilação. Após a simples instalação, conseguimos editar o sistema por meio de alterações no código fonte, o que facilita o processo de personalização conforme as demandas exigidas pelo usuário.

    Nós da EVEO temos mais de 20 anos de experiência e atuamos com soluções open source e Linux desde o início das nossas operações, em 1998. Ainda que o intuito desse artigo seja o de explicar as vantagens do open source, é importante não cometermos o erro de desmerecer totalmente os softwares proprietários, pois contam com recursos muito avançados e úteis.

    Também atuamos em parceria com a Microsoft, a gigante dos sistemas proprietários. Por isso, deixamos a cargo do cliente a decisão sobre qual a melhor alternativa específica para o seu negócio. Temos a expertise de excelência para atuação nessas duas frentes. Outra parceria de peso que contamos já há 15 anos é com a Red Hat, uma empresa fornecedora de soluções tanto de código aberto como de licenciamento proprietário, como servidor e data centers.

    Ainda assim, é importante pontuar que a maior parte do volume de servidores e outras implementações, tanto para servidor cloud como para nuvem pública, são baseadas em tecnologia open source.

    Se você ainda tem alguma dúvida ou deseja um auxílio para implementar soluções em nuvem, servidores, softwares open source ou proprietários, não deixe de entrar em contato conosco.